© 2019 por Comunica Consultoria e Planejamento

Siga a gente:

  • Facebook
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone LinkedIn
  • Branca ícone do YouTube

A ponte ainda é o caminho

Por Joyce Russi

Do latim communicatione, o termo comunicação traz a ideia de compartilhar ou tornar comum. Os dicionários definem a palavra como “capacidade de trocar ou discutir ideias, dialogar, com vista ao bom entendimento entre pessoas” . Assim comecei o artigo “Uma ponte para o possível”, publicado em 2009. À época procurei fazer uma reflexão sobre a importância da Assessoria de Imprensa e de Comunicação no processo de comunicação das organizações considerando a realidade de então.

Dez anos depois, muita coisa mudou no complexo processo de comunicação organizacional e na forma de transmissão de informações, compartilhamento e trocas de ideias e valores com a sociedade, mas o desafio de encontrar a melhor forma de se comunicar com o público continua. A constante inovação das tecnologias de comunicação e o surgimento de novas plataformas de comunicação – a todo instante nos deparamos com novas redes sociais que permitem a veiculação de ideias na forma de textos, fotos, vídeos, áudios e o que mais nossa imaginação conseguir criar – amplia as possibilidades e agrava as necessidades.

Em um primeiro momento, pode-se ter a sensação de que a mídia tradicional e as assessorias de imprensa e comunicação tornaram-se obsoletas e de que as organizações, sejam públicas ou privadas, não precisam mais de “intermediários” ou “pontes” para se comunicarem. Basta ter um perfil em uma rede social, e pronto, está resolvida a questão da comunicação.

No dia a dia, a realidade demonstra que não é bem assim. Embora as redes sociais sejam cada vez mais imprescindíveis para a comunicação organizacional, a prática demonstra que a melhor forma de assegurar o sucesso de uma estratégia de comunicação ainda é atuar de forma integrada. Além de considerar todos os públicos, internos e externos, com os quais uma organização precisa se comunicar.

Nesse sentido, projetos de comunicação devem ser pensados de modo a integrar novas plataformas e ações tradicionais de comunicação, como o relacionamento com a imprensa, que continua a exercer o relevante papel de fiscal da sociedade.

Assim é importante ressaltar que a comunicação integrada é composta de estratégias, planejamentos, meios de comunicações internos e externos que devem ser usados para alcançar os objetivos da organização, sejam eles de promover uma marca, vender produtos, oferecer serviços ou mesmo defender ideias. Além de saber usar tecnicamente as novas ferramentas, mais do que nunca, os profissionais de comunicação têm de atuar no sentido de conquistar a empatia e confiança dos dirigentes das organizações, da mídia e do público de modo a continuar sendo a ponte por onde trafegam as informações.


Gostou do texto? Saiba mais sobre o trabalho da Comunica.